Categoria: ,

Festa do Divino será celebrada em Salvador; veja programação

Festa do Divino Espírito Santo ocorre neste domingo (19) na Paróquia Santo Antônio Além do Carmo, em Salvador, que terá uma programação especial

A Festa do Divino Espírito Santo, manifestação religiosa da Igreja Católica realizada há 254 anos, será celebrada neste domingo (19) em diversos municípios da Bahia, como Andaraí, Brotas de Macaúbas, Palmas do Monte Alto, Poções, Barreiras, Cachoeira, Bom Jesus da Lapa e também em Salvador. Na capital baiana, os festejos ocorrem na Paróquia Santo Antônio Além do Carmo, que terá uma programação especial. A tradição ocorre desde 1770 e marca a fé e devoção na Santíssima Trindade.



					Festa do Divino será celebrada em Salvador; veja programação
Festa do Divino será celebrada em Salvador neste domingo (19). Foto: Sara Gomes/Arquidiocese de Salvador

Geralmente comemorada após o período pascal e no dia de Pentecostes, a Festa do Divino Espírito Santo é marcada por alvoradas, cavalgadas, missas, desfiles, além de diversas manifestações públicas, religiosas e também profanas que em todos os anos atraem fiéis do país inteiro. Dentre as manifestações em todo o estado se destaca a celebração realizada na cidade de Bom Jesus da Lapa que recebe diversas caravanas de fiéis, dessa forma a Romaria também recebeu o Registro Especial Provisório como Patrimônio Imaterial do Estado. A determinação na época foi aprovada pelo Conselho Estadual de Cultura da Bahia, e autorizada pelo governador Rui Costa.

Preso liberto

Nesta edição da festa em Salvador, será liberto pelo Poder Judiciário e pelo Ministério Público da Bahia, um preso. De acordo com o padre Jailson de Jesus, pároco do espaço, este ato de libertar uma pessoa apenada acontece desde o início da tradicional festa, há mais de dois séculos e meio. Para que isso seja possível, a Irmandade do Divino Espírito Santo e o pároco fazem contato com os órgãos responsáveis, que já preveem a libertação de alguém que cumpriu a pena.

“Desde bem antes dessa festa, nós já estamos em contato com o Poder Judiciário e o Ministério Público, para que a libertação deste preso possa acontecer. Tradicionalmente, o Menino Imperador lê o decreto de libertação e toca aquele preso com o cetro, como era feito pelo Imperador”, explica o padre Jailson.

Menino Imperador

Sobre o Menino Imperador, também é uma tradição mantida pela Paróquia Santo Antônio Além do Carmo, única da Sé Primacial do Brasil que conserva a festa do mesmo modo que foi iniciada, em 1770. Representando o Espírito Santo, que é o advogado, um menino é escolhido pela Irmandade do Divino Espírito Santo, coroado, recebe o cetro e as vestes de realeza. É este menino que lê o decreto de libertação e declara que aquele preso está livre.



					Festa do Divino será celebrada em Salvador; veja programação
Lucas Souza Santos é o Menino Imperador deste ano. Foto: Sara Gomes/Arquidiocese de Salvador

“Nos primeiros anos da festa, o Forte do Barbalho e o Forte de Santo Antônio, próximos à Igreja, eram cadeias públicas. Como os presos pobres não tinham como pagar as fianças, a Irmandade e o Menino Imperador da Festa do Divino saíam, durante todo o ano, recolhendo esmolas e assim pagavam o valor devido de quem estava preso, que recebia a liberdade. Por isso, o Menino Imperador representa o Espírito Santo, que é o Defensor”, conta o padre Jailson, destacando que, nos próximos anos o desejo é que a pessoa que for libertada seja acompanhada pela paróquia, juntamente com a Pastoral Carcerária, para ajudá-la na ressocialização.

O ato da leitura do decreto acontecerá ao final da Santa Missa que terá início às 10h, e será presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Salvador, Dom Marco Eugênio Galrão. Antes, às 9h, a Irmandade do Divino Espírito Santo irá se dirigir até a Igreja Nossa Senhora do Boqueirão para buscar o Menino Imperador que, com vestes de realeza e acompanhado por pessoas que representam, nas vestimentas, membros da Coroa Portuguesa, caminharão de volta até a Matriz da Paróquia Santo Antônio Além do Carmo.

Tema da festa em 2024

Como o Espírito Santo, Terceira Pessoa da Santíssima Trindade é chamado de Alma da Igreja, durante os festejos de 2024, a Paróquia trouxe o tema: “Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida”. A Carta Encíclica Dominum et vivificantem de S. João Paulo II, conduzirá a meditação sobre a obra do Divino Espírito Santo na vida e na Igreja.

SERVIÇO – Solenidade de Pentecostes

O quê: Festa do Divino Espírito Santo;
Quando: Domingo (19);
Programação:

  • Cortejo Imperial, às 9h (saindo da Matriz e seguindo até a Igreja Nossa Senhora do Boqueirão, retornando para a Matriz);
  • Missa, às 10h (Matriz da Paróquia Santo Antônio Além do Carmo).

Onde; Paróquia Santo Antônio Além do Carmo (Largo do Santo Antônio Além do Carmo, Centro Histórico de Salvador).

 

 

 

Fonte: iBahia

Compartilhe:

Notícias relacionadas
O que você procura?
BANNER_740X450px_GIF