Categoria: ,

Guardas municipais e agentes da SEMOP são hostilizados durante ação na praia do Porto da Barra

[Guardas municipais e agentes da SEMOP são hostilizados durante ação na praia do Porto da Barra; veja]
Foto: Leitor BNews
Ambulantes e frequentadores da praia do Porto da Barra hostilizaram agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEMOP) e da Guarda Municipal de Salvador durante uma operação nesta quinta-feira (28). As equipes estiveram no local para a retirada de sombreiros, o que foi proibido pela prefeitura para evitar aglomerações durante a pandemia, e foram vaiadas (veja o vídeo no final da matéria).

O controle no acesso à praia do Porto da Barra e a proibição de cadeiras e sombreiros para banhistas no local foram determinadas pela prefeitura, pois é uma das praias mais procuradas da cidade e possui uma pequena faixa na areia.

A Guarda Municipal informou ao BNews que, durante a criação dos protocolos, ficou a liberação de apenas um sombreiro para cada ambulante, com o intuito de garantir a proteção das suas mercadorias. Também não é permitido entrar com itens como caixas térmicas e de som, a fim de que não haja um retrocesso que possa gerar a interdição da praia.

“Durante esta tarde, o diretor de Segurança Urbana, Maurício Lima, esteve em contato com os barraqueiros e afirmou que, mesmo diante dos impedimentos, estará encaminhando a demanda para ser tratada junto com a Secretaria Municipal de Ordem Pública. A instituição ressalta que atua com os demais órgãos municipais para evitar a proliferação da Covid-19, que ainda se mantém ativa, sendo de suma importância a consciência e colaboração de todos”, explicou a Guarda Municipal nesta sexta-feira (29).

 

Crédito: BNews

Compartilhe:

Notícias relacionadas
O que você procura?