Categoria: ,

Prefeito de Salvador teme que eventos juninos causem explosão de casos de Covid-19 e retrocesso na economia

[Prefeito de Salvador teme que eventos juninos causem explosão de casos de Covid-19 e retrocesso na economia]
Foto: Valter Pontes / Secom
Salvador amanheceu nesta segunda-feira (14) com 79% dos leitos de UTI da rede pública ocupados, apontando para uma tendência de queda no número de internações. O prefeito Bruno Reis (DEM) foi cauteloso ao mencionar o progresso, pois esse índice costuma variar muito e o gestor municipal teme que possa haver uma explosão de casos de Covid-19 após o período junino.

Em entrevista coletiva, o democrata disse que irá avaliar a taxa ao longo dos próximos dias para ver se adotará mais medidas restritivas e pediu que a população tenha atenção e conserve todos os cuidados sanitários para prevenir novas infecções pelo coronavírus. “Nos causa muita preocupação que os sucessivos eventos em junho, como Corpus Christi, Dia dos Namorados, São João, São Pedro e logo depois o Dois de Julho, possam provocar em julho”, alertou Reis.

Ele reforçou que o mês de junho pode ser decisivo para Salvador definir os próximos passos para a retomada da economia, como uma possível volta de eventos sociais a partir de julho. “Precisamos passar juntos por essa última batalha, mas é preciso o esforço final de todos”, completou.

 

Crédito: BNews

Compartilhe:

Notícias relacionadas
O que você procura?
BANNER_740X450px_GIF